smg arquitectos | Cozinha do Futuro | o Futuro da Cozinha | 2012 - smg arquitectos

Cozinha do Futuro | o Futuro da Cozinha | 2012

Síntese

A cozinha é um espaço habitualmente delimitado por paredes que marcam a sua delimitação na habitação, contendo vivências circunscritas. Encerrada, esta não deixa de ser um espaço  de convívio.
Nos dias de hoje a cozinha é sinónimo de espaço que se dedica não só à zona de confecção de alimentos, mas também, local onde se passa a maior parte do tempo da vida contemporânea. A cozinha tem vindo a ganhar uma presença cada vez mais intrínseca na casa nos últimos anos. Um lugar de vivências, criando relações intimistas entre todos os intervenientes da habitação.
A referida projecta tende a prolongar esta tendência moderna e ir mais além, de reconfigurar uma cozinha, numa cozinha do futuro, que se propõe ser: o futuro da cozinha.
O projecto proposto explora um espaço que seja ele mutante, ao longo do tempo do seu uso e consoante as suas necessidades, proporcionando diferentes modos de utilização. Uma série de elementos de arrumação e suas combinações, geram mutações desta peça contemporânea ao longo do tempo, que se assume como um trinómio, uma peça com 3 volumes que se adaptam entre si.
A assimetria da peça ou desta caixa, é marcada pela necessidade de utilização da mesma.
A peça é caracterizada por uma dicotomia nos seus extremos. Num destes extremos de volumes brancos, assume-se como um bloco na sua volumetria primária, definido por arrumações com maior profundidade e sendo estes sempre fixos, mas no seu volume oposto, a volumetria é quebrada por uma estrutura de vigas em H de aço leve, dividindo o volume da sua forma primordial acoplando-se elementos de arrumação de menor profundidade e estes sim, de possível subtracção e adição, criando mutações volumétricas e cromáticas desta face do volume e interagindo com outro espaço adjacente, quiçá, a sala de estar.